7 de jul de 2012

leminski

peço um minuto de silêncios
pausas valsas calmas penadas
e um pouco de esquecimento
-
coração PRA CIMA
escrito embaixo FRÁGIL
-

Amor, então,
também, acaba?
Não, que eu saiba.
O que eu sei
é que se transforma
numa matéria-prima
que a vida se encarrega
de transformar em raiva.
Ou em rima.

-
a vida varia
o que valia menos
passa a valer mais
quando desvaria
-
nada foi
feito o sonhado
mas foi bem-vindo
feito tudo
fosse lindo
-
mesmo assim
te quis
mesmo sabendo
que ia te querer
ficar querendo
e pedir bis
-
confira / tudo que respira
conspira
-
para cada bicho de sete cabeças
tem sete sem nenhuma
-
repara bem no que não digo
-
amar é um elo
entre o azul
e o amarelo
-
não fosse isso / e era menos
não fosse tanto / e era quase
-
tudo o que passa / tudo o que dura
tudo o que duramente passa
tudo o que passageiramente dura
-
falta açúcar na limonada
me perdi da minha namorada
nadei nadei e não dei em nada
-
minha amiga
indecisa
lida com coisas
semifusas

quando confusas
mesmo as exatas
medusas
se transmudam
em musas
-
assim como
eu estou em você
eu estou nele
em nós
e só quando
estamos em nós
estamos em paz
mesmo que estejamos a sós




Nenhum comentário:

Pages

Pages - Menu

Popular Posts

Categories

.

Minha foto
medo, desejo, bom som, silêncio, barulho de chuva, doce, papeis, anotações, dobraduras, presentes, fotografia, laços, bolinhas, sei lá, reticências.

Blogger news

Blogroll

Blogger templates